qualidade no atendimento

Os consumidores estão cada vez mais exigentes e possuem um maior conhecimento sobre o produto que desejam. A concorrência entre as empresas está cada vez mais acirrada e, em muitos casos, ela vende o mesmo produto que você, com a mesma cor, mesma marca e funcionalidades. Porém, tem uma coisa que não pode ser copiada: a qualidade no atendimento.

Todos nós queremos ser bem atendidos, especialmente se estamos saindo de casa para comprar um bem que possui um preço bem elevado, como um veículo. Mas você sabe se a sua equipe está dando a atenção e a importância que o seu cliente merece?

Por isso, separamos alguns pontos importantes que precisam estar presentes para que um bom atendimento seja oferecido.

Como ter qualidade no atendimento

1. Entenda o seu cliente

O cliente é o ponto-chave do seu negócio, afinal de contas, o seu estabelecimento foi criado para ele. Por isso, para atendê-lo da melhor forma possível, compreender os desejos e necessidades externados, é fundamental.

Descobrir algumas coisas sobre o cliente pode ajudar — e muito — a traçar um perfil e oferecer produtos que sejam compatíveis com as expectativas dele. Por exemplo:

  • em que ele trabalha;
  • qual o estilo de vida (se gosta de praticar esportes e, se sim, quais);
  • viaja muito ou não;
  • preza pelo conforto;
  • gosta de poupar em vez de gastar.

Há outras informações que você pode ter, como, por exemplo, se ele tem família ou não. Tudo isso te ajudará a melhorar a seu atendimento e oferecer o melhor produto.

2. Qualifique a sua equipe

Você quer ter uma equipe diferenciada e que esteja apta para atender rapidamente às necessidades daqueles que entram na loja a procura de um veículo? Então faça treinamentos.

Ela pode aprender, por exemplo, quais são as melhores práticas para um atendimento de qualidade e também compreender melhor os produtos oferecidos pela empresa. Uma tática é permitir que os seus funcionários façam um test drive. Assim, eles terão como atender melhor o cliente e maiores chances e fechar uma venda.

3. Use linguagem adequada

Cada cliente tem uma forma de se comunicar. Alguns são mais formais e, assim, querem ser tratados da mesma forma. Portanto, o uso de gírias ou chamá-lo pelo primeiro nome não são boas técnicas, já que mostram um grau de intimidade que não é desejado.

Porém, outros costumam ser bem informais e querem ser tratados de forma íntima, como um verdadeiro amigo da empresa desde a primeira visita. É o tipo de cliente que não se importa em ser tratado pelo primeiro nome, mas, ainda assim, é exigido um certo nível de formalidade.

4. Otimize os processos

Você consegue organizar bem a equipe? Cada um sabe exatamente o que fazer e em que momento fazer? Isso precisa estar muito bem explicado, pois, pular uma parte desse processo pode causar um grande prejuízo para a sua empresa e também para o cliente.

Trace com a equipe um caminho que todos devem seguir até concluir a venda. Descreva um passo a passo para que nenhum funcionário esqueça alguma etapa e, assim, oferte um excelente atendimento.

5. Ofereça o produto

Toda empresa tem, em seu banco de dados, cadastro e nomes de pessoas que se interessaram por algum veículo, mas saíram do estabelecimento sem comprar nada. Que tal entrar em contato com eles novamente? Tente uma nova abordagem, converse com esse cliente, ouça tudo o que ele tem a dizer e, por fim, ofereça a melhor opção.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre qualidade no atendimento, certamente quer descobrir como melhorar ainda mais os seus serviços. Então baixe o nosso Guia completo para o sucesso de sua loja de veículos!