Disputa por preço: entrar ou não em uma disputa por preço e como isso pode levar à perda de valor?

Entrar ou não em uma disputa por preço com o seu concorrente?

Oferecer um preço atraente, com certeza, é um grande diferencial para qualquer revendedora de carros. Afinal, a grande maioria dos consumidores gosta de saber que está pagando um valor justo no seu veículo. No entanto, é preciso estar atento para que estratégias ousadas, como a disputa por preço com as demais concessionárias, por exemplo, não acabe tendo resultados negativos.

Neste artigo, falaremos sobre o tema e daremos dicas sobre como se manter competitivo no mercado de maneira estratégica e com uma margem de lucro satisfatória. Continue a leitura e acompanhe!

disputa por preço

Justifique seu preço ao invés de entrar na disputa

O carro está entre os principais sonhos de consumo da maioria das pessoas. Sendo assim, é compreensível que elas busquem pelo máximo de informação possível e pensem com cuidado antes de fechar negócio.

Nesse contexto, ir além da questão do preço é fundamental para se destacar da concorrência e atrair mais consumidores. Mas, afinal, como fazer isso?

Na maior parte das vezes, a escolha do modelo de carro ideal envolve fatores relacionados ao estilo de vida, sonhos, status etc. Sendo assim, na hora da negociação, o vendedor precisa estar preparado para oferecer informações verdadeiras, autênticas e diferenciadas, que o consumidor não vai encontrar em nenhum outro lugar.

Oferecer produtos e serviços que justifiquem seu preço é mais interessante do que entrar em uma “guerra” possivelmente prejudicial pelo menor preço com a concorrência.

Como a disputa por preço pode ser prejudicial no mercado de vendas de carros

Para definir o melhor preço para venda de automóveis, é preciso estratégia, conhecimento do processo de segmento e bom senso. O perigo de traçar uma estratégia de venda pautada exclusivamente na questão do preço é que o consumidor tende a comprar somente naquele momento, ou seja, não há nenhum tipo de relacionamento ou identificação com a sua loja.

Fora isso, um preço muito abaixo dos demais no mercado de revenda pode gerar no cliente a sensação de que existe algo errado com aquele estabelecimento, o que pode ser prejudicial para a imagem da empresa. Afinal, qual a justificativa para carros do mesmo modelo, opcionais e ano de fabricação terem valores consideravelmente diferentes?

Outra desvantagem é que a competição desenfreada com a concorrência pode fazer com que a sua margem de lucro seja diminuída significativamente, resultando em prejuízos financeiros.

Como definir um preço justo

Não existe mágica: para oferecer um preço muito menor que o seu, ou o concorrente encontrou um modo exclusivo de baratear custos ou ele está sacrificando o lucro.

Para fugir desse ciclo, é preciso conhecer bem o seu processo e apresentar de maneira clara ao cliente que sua empresa oferece bem mais que preço atraente, mas também um atendimento diferenciado e de qualidade, pós-venda eficiente e qualidade elevada. Para isso, adote medidas como:

Conheça seu cliente e entenda a sua necessidade

O vendedor precisa entender a necessidade do cliente para oferecer o carro que melhor se adapte a ele. Sendo assim, o profissional deve primeiro ouvir o que o comprador tem a dizer e, com base nessa informação, encontrar o melhor carro com qualidade e preço justo.

Ofereça test drive

A compra de um carro envolve muitas questões emocionais, como se a pessoa vai se sentir segura, confortável e feliz dirigindo determinado modelo. O test drive é uma oportunidade para o cliente analisar como ele se sente dirigindo um automóvel. O vendedor pode acompanhar o test drive e destacar os benefícios do veículo ao longo do trajeto.

Aposte na tecnologia

Existem diversos softwares que permitem gestão organizada de clientes, com soluções personalizadas, segurança, agilidade, acessibilidade, ótimo custo-benefício, credibilidade e suporte.

Com um bom estudo de mercado, assim como do perfil do seu cliente e estratégias corretas de divulgação, é possível definir um valor que seja atrativo para ambas as partes, sem precisar entrar em disputa por preço com os seus concorrentes.

Se você gostou das dicas de hoje, assine nossa newsletter para receber todas as novidades do blog diretamente em seu e-mail!

Disputa por preço: entrar ou não em uma disputa por preço e como isso pode levar à perda de valor?
5 (100%) 1 voto

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comentar tópicos
0 Respostas do tópico
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Tópico de comentário mais quente
0 Autores de comentários
Desvalorização de veículos: qual é o momento certo para abaixar o seu estoque? - Blog Revenda Mais6 fatores que vão impactar na credibilidade da sua loja de veículos online - Blog Revenda Mais Autores recentes de comentários
  Inscrever-se  
mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
trackback

[…] é um dos principais fatores levados em consideração na hora da decisão final de compra. Com o mercado cada dia… Leia mais »

trackback

[…] Dentre as suas análises e pesquisas, existem aquelas destinadas especificamente para entender a valoração e desvalorização de […]