4 erros em site de veículos e como evitá-los

Fotos com baixa qualidade, lentidão no carregamento e outras situações muitas vezes menosprezadas pelos empreendedores podem afastar clientes em potencial e prejudicar o crescimento dos negócios.

Isso porque uma página da internet precisa convencer os usuários nos primeiros segundos após o acesso e pequenos erros em site de veículos dificultam essa navegação, fazendo com que muitas pessoas desistam rapidamente e passem para a próxima loja.

erros em site de veículos

Neste artigo, elencamos quais são os principais erros em site de veículos, como eles afetam a experiência do usuário e de que forma você pode evitá-los.

1. Imagens com baixa resolução

Você não costuma deixar veículos sujos e desorganizados no pátio da sua loja, correto? Essa mesma preocupação com a aparência deve estar presente no seu site. Pense nesta página como uma vitrine virtual da revenda de carros.

É essencial que as fotos dos veículos estejam com uma boa qualidade, sem aquele aspecto “granulado”. Cuidado principalmente ao redimensionar uma imagem.

Uma situação muito comum de acontecer é a seguinte: a sua foto tem 3000×3000 pixels, mas o espaço no site exige com 500×300 pixels. Muitas pessoas costumam apenas achatar ou “puxar” a foto para caber nesse espaço, mas isso deixará a foto “estourada”.

O melhor a fazer é gerar um novo arquivo com o tamanho exato.

Foto achatada, gerando deformação.

Foto correta, adaptada ao espaço disponível.

Além da resolução, preocupe-se também com o ângulo: recomendamos que todos os veículos tenham fotos em ângulos semelhantes para criar uma padronização.

Experimente criar uma lista para organizar essa etapa, por exemplo, indicando que os novos carros devem, obrigatoriamente, ter uma foto tirada na lateral esquerda, uma foto do porta-malas, outra foto do painel interno, etc.

2. Veículos sem informações completas

Da mesma forma que os vendedores devem saber todas as informações do veículo, seu site também precisa trazer esses dados para facilitar a busca dos usuários e agilizar o processo de orçamento.

Esquecer de mencionar o ano ou quilometragem é um dos erros em site de veículos mais simples de ser contornado.

Faça uma checklist de todos os itens que devem constar no cadastro do automóvel, moto ou caminhão. Algumas informações são primordiais, como modelo, marca, quilometragem, ano, tipo de motor, combustível e quais são os itens adicionais.

Se possível, forneça também dados referentes aos antigos proprietários e se o veículo já sofreu algum tipo de sinistro. Isso demonstra transparência, e transmite segurança e confiabilidade aos clientes.

3. Páginas com lentidão no carregamento

O tempo de carregamento de um site é levado em consideração pelo Google ao ranquear uma página na busca orgânica. Isso significa que, se o site for mais lento do que seu concorrente, as chances da outra loja aparecer em posições melhores é maior.

Está comprovado também que uma página rápida tem mais chances de gerar conversão. Segundo pesquisas citadas no blog Resultados Digitais, um dos mais influentes do Brasil em Marketing Digital:

  • Cada 1 segundo a mais no carregamento de uma página gera queda de 11% nas visualizações de página e 16% na satisfação dos clientes;
  • 40% dos visitantes abandonam páginas que levam mais de 3 segundos para carregar e cada 1 segundo a mais no tempo de carregamento do site reduz em 7% as conversões;
  • 88% dos usuários que tiveram uma experiência ruim ao acessar um site devido a velocidade de carregamento são menos propensos a comprar nele e mais de um terço desses usuários vai compartilhar a experiência ruim com os amigos.

Existem diversas estratégias para melhorar a velocidade do seu site, mas todas devem ser ativadas por uma equipe com conhecimento em programação e HTML.

Algumas são mais simples, como remover recursos desnecessários e manter seu site em uma hospedagem de qualidade, como ocorre com os sites do Revenda Mais.

Já outras mudanças, como otimização das imagens e revisão do código, podem levar mais tempo.

4. Um dos erros em site de veículos mais grave: falta ou demora no atendimento online

Mesmo que o site esteja visualmente atrativo e apresente rápido carregamento, seus veículos não se venderão sozinhos. Você precisará qualificar os vendedores para responderem os contatos oriundos da página, seja pelo botão de WhatsApp ou solicitação de orçamento por e-mail.

Outro cuidado essencial: responder rapidamente. Em finais de semana e feriados nem sempre será possível responder imediatamente, mas tente seguir um tempo de resposta padrão nos dias úteis, evitando demorar mais do que uma hora para entrar em contato com o consumidor.

Se o seu site tem um chat, tenha alguém para ficar online neste canal de atendimento. O usuário quer respostas rápidas, quase que instantâneas. Então, qualquer minuto a mais nas respostas de chat, pode levar o usuário a procurar outro site.

Para agilizar o retorno, seus vendedores podem manter padrões de interação. Por exemplo, quando um cliente pedir uma simulação de financiamento do veículo Y, você já pode ter uma resposta padrão redigida com todos os documentos que ele precisa enviar à loja.

Gostou dessas dicas? Continue acompanhando o nosso blog para outras recomendações de estratégias que envolvem seu site e Marketing Digital.

Inscrever-se
Notificação de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários