Gestão financeira para lojas de veículos: Por que uma boa gestão financeira é importante?


Quem possui uma revenda de veículos sabe dos desafios que o setor apresenta. Um dos pontos mais delicados é realizar uma boa gestão financeira – tema negligenciado por empresários do ramo, o que os posiciona atrás da concorrência que adota ferramentas e práticas assertivas nesse sentido.

Gestão financeira para lojas de veículos

Dessa forma, deve-se entender porque uma boa gestão financeira é importante para as revendas de veículos. E é disso que iremos tratar no presente artigo, apresentando as características que mostram porque, do estoque à fidelização do cliente, tudo passa por uma boa gestão das finanças do seu negócio. Vamos lá?

Controle de entradas e saídas

Uma revenda de veículos não trabalha apenas com os valores para adquirir e/ou vender um automóvel. Há uma série de entradas e saídas do caixa da empresa que precisam ser bem geridas para que a conta feche no final do mês. Esse é um erro muito comum: focar apenas nos valores agregados aos automóveis, esquecendo todo o restante da empresa.

Isso inclui os gastos fixos como aluguel do pátio ou do prédio, contas de luz e água, pagamento de funcionários, manutenção da infraestrutura e dos veículos entre outros. Assim, uma boa gestão financeira na sua loja de veículos é indispensável, visto que ao ter o controle do fluxo de caixa, permite-se planejar melhor as estratégias do negócio.

A dica é: aposte em sistemas de gestão que integrem todos os dados financeiros da sua empresa, interligando setores. Do estoque, passando pelo relacionamento com os clientes, além de ter controle de notas fiscais, tudo deve ser centralizado e automatizado para que o financeiro não tenha um panorama irreal – o que pode trazer altos prejuízos em curto prazo.

Onde investir – e o que cortar

Em sintonia com o tópico anterior, é preciso ter uma boa gestão financeira na sua revenda de veículos para estabelecer um planejamento em duas frentes.

A primeira é saber onde investir para o negócio crescer – ampliar o pátio, fazer novos contratos comerciais e parcerias (com oficinas, despachantes, etc.), além da divulgação do seu negócio.

O segundo ponto é cortar as despesas que a gestão financeira indica, enxugando a torneira de gastos desnecessários.

Pode-se, por exemplo, divulgar os veículos em anúncios nos maiores sites do país, diminuindo a despesa com propaganda física. Além disso, ao automatizar os processos, pode-se reduzir o gasto com a folha salarial.

O importante nesse sentido é sempre fazer o acompanhamento. Investimento e corte de gastos não são algo que devem ser feitos a cada semestre ou anualmente; exige-se que, mês a mês, com os indicadores que o seu sistema de gestão aponta, seja possível enxergar as melhores oportunidades e acabar com aquilo que só tira dinheiro do caixa da sua empresa.

Os clientes

Já pensou que, sem uma gestão efetiva das finanças do seu negócio, é possível até mesmo esquecer quais clientes precisam pagar as parcelas? Pode até parecer algo difícil de acontecer, mas é recorrente: como falamos de um processo burocrático, que exige muitas etapas, como a documentação, pode-se esquecer ou confundir os valores a serem recebidos.

A boa gestão financeira tem tudo controlado e centralizado, evitando que você perca valores que deveria receber. Em determinados casos, a cobrança acima do valor contratado pelo veículo pode ser terrível para o seu negócio: além do mau relacionamento com o cliente e às vezes até a inadimplência, passa uma imagem negativa para outros consumidores acerca da revenda.

Regularização tributária e fiscal

Uma revenda de veículos conta com um giro de capital na casa de centenas de milhares ou até dezenas de milhões de reais. Ou seja: a Receita Federal atua em cima desse tipo de negócio, devido aos altos valores que o setor gira. Esse é outro motivo que mostra a importância de uma boa gestão financeira para o seu negócio.

Ao ter tudo sob controle, evita-se pesadas e onerosas multas por incongruências tributárias e fiscais. Há casos que a falta da gestão financeira fez com que as lojas de automóveis fechassem devido ao saldo devedor para o Fisco.

Novamente, sistemas para revendas de veículos ajudam a ter essas informações centralizadas em todas as negociações, facilitando a contabilidade empresarial.

Giro do estoque

Se o empresário à frente de uma revenda de veículos não integra a gestão financeira com o giro de estoque, pode estar perdendo muito dinheiro. E isso tem explicação: quando há o controle efetivo das finanças é possível fazer com que os automóveis parados possam dar lugar a outros sem perder nenhum centavo por isso.

Ao identificar quanto é necessário para vender sem ter que “pagar” por isso, a revenda possibilita abrir espaço para outros veículos que têm mais chances de serem vendidos. Além disso, como bem sabemos, um carro parado no seu pátio só desvaloriza e, em algumas situações, fica defasado na parte mecânica quando não há a manutenção periódica (que sempre agrega custos).

Como fazer uma boa gestão financeira na sua revenda de veículos ?

Há, ainda, outros motivos que denotam a importância de você adotar práticas assertivas de gestão financeira na sua revenda de veículos.

Entre elas podemos destacar:

  • Realizar o inventário do negócio, sabendo exatamente qual é o valor de mercado da empresa com todos os automóveis e complementos que a revenda possui;
  • Enxergar oportunidades e agregar a revenda, como as parcerias com empresas do setor, como oficinas e seguradoras;
  • Segurança nas operações, pois se sabe exatamente qual é o valor que o negócio precisa atingir – ou seja, o número de vendas – durante determinado período para ficar no azul.

Em todos os casos, é preciso que os gestores de revendas de veículos contem com o que a tecnologia oferece, como descrito ao longo deste artigo. Não apenas gerir o financeiro de forma eficiente, como a abertura de novas possibilidades, permitem que o negócio seja um case de sucesso no setor.

Não à toa, as maiores revendas, lojas e concessionárias de veículos automatizam, centralizam e dão atenção especial ao setor financeiro, principalmente pelos altos valores que o ramo de automóveis permite. Assim, além de evitar contratempos e dores de cabeça, uma boa gestão financeira na sua revenda de veículos permite que você se destaque competitivamente, independentemente do porte do seu negócio.

Quer ter mais conteúdos exclusivos como esse? Baixe nossos materiais.


Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação de