Higienização interna de veículos, veja porque você deve se preocupar

Confira as dicas de como higienizar o carro corretamente

A higienização interna de veículos é algo essencial para uma revenda de carros, afinal, ela deve manter a aparência e o melhor acabamento para impressionar o cliente interessado em comprar carro.

Assim como a manutenção externa do veículo, o procedimento deve ser realizado periodicamente e auxilia a prolongar a vida útil dos itens internos, garantindo mais segurança e conforto aos ocupantes.

Veja a importância da higienização interna do veículo e saiba como ela pode impactar de forma positiva nas suas vendas.

Higienização interna de veículos

Qual a importância da higienização interna de veículos?

Se você possui uma loja de veículos deve se preocupar não só com a higienização externa, mas também com a higienização interna dos veículos. Ela é responsável por combater problemas com ácaros, fungos, bactérias e outras gravidades, garantindo a segurança e conforto do motorista e dos passageiros.

Com o passar do tempo, a área interna do automóvel pode acumular poeiras e quando não cuidadas, podem causar mau cheiro e ainda comprometer o bom funcionamento de componentes, como do ar-condicionado, por exemplo.

A higienização interna também deve ser feita nos veículos usados, pois como já possuem um tempo de uso podem acumular sujeiras. E essa também é uma dica valiosa de como deixar o carro usado valorizado.

Quando a higienização deve ser feita?

A recomendação é que a higienização interna do veículo seja feita no máximo a cada seis meses, sempre por uma empresa especializada e que utilize produtos e equipamentos homologados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

E para uma higienização completa, não deve-se esquecer do filtro do ar-condicionado, pois pó, fungos e bactérias se acumulam no interior da peça, causando não só a obstrução dos tubos da câmara de refrigeração, mas também danos à saúde.

Como a higienização interna de veículos é feita?

O que parece ser um serviço simples, deve ser feito por um especialista que tenha pleno conhecimento de como são feitos os procedimentos.

Durante a higienização automotiva, diversos itens são inspecionados como os bancos, carpetes e tapetes. Dependendo do tempo que o carro não é submetido a uma higienização, esses itens podem conter ácaros, poluentes biológicos que se proliferam pelo calor ou umidade, e outras sujeiras que ficam retidas entre as fibras do estofamento.

Como o ressecamento é muito comum em bancos de couro, produtos que hidratam a superfície são recomendados, prolongando a vida útil do estofado.

Já para os bancos de tecido, sujeiras, líquidos e outras substâncias costumam penetrar no material, e para isso são recomendados produtos que amoleçam a sujeira, retirando-a totalmente. Entretanto, deve-se atentar ao tipo de produto usado, já que o tecido do banco pode manchar ou ser danificado.

Como fazer a higienização interna de veículos?

Entender a importância da higienização interna de veículos garante à sua loja maiores possibilidades de vendas, já que a primeira impressão do carro é a que fica ao cliente.

Caso você não possua uma estrutura para higienização na sua loja, pode contratar uma terceirizada responsável que garanta o melhor acabamento ao veículo.

Higienização interna de veículos, veja porque você deve se preocupar
5 (100%) 1 voto

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação de